Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10174/6973

Title: Um β-mercaptoetanol elisa para o diagnóstico da leishmaniose visceral canina (LVC)
Authors: Veloso, Laura
Semião-Santos, Saul
Andrade, Paulo
Melo, Márcia
Martins, Luís
Marinho, Artur
Almeida, José
Harith, Abdalla
Keywords: Leishmaniose
Diagnóstico
ELISA
1-β-mercaptoetanol
Cão
Issue Date: 11-Feb-2012
Publisher: Hospital Veterinário Montenegro
Citation: Veloso LB, Semião-Santos SJ, Andrade PP, Melo, MA, Martins L, Marinho AA, Almeida JAA, Harith AE. Um β-mercaptoetanol elisa para o diagnóstico da leishmaniose visceral canina (LVC). Proceedings do VIII congresso do Hospital Veterinário Montenegro - Endocrinologia; II Congresso de Enfermagem. 11 e 12 de Fevereiro de 2012.
Abstract: Vários melhoramentos na realização do teste de aglutinação direta, que incluem a incorporação de β-mercaptoetanol (β-ME) no tratamento do antigénio e ureia no diluente sérico, contribuíram para aumentar a sua sensibilidade e a especificidade. O objetivo deste estudo foi desenvolver um teste similar (utilizando promastigotes intactos e tratados com β-ME) para o diagnóstico da LVC. Quiçá uma ferramenta deste calibre, para além de constituir um instrumento de suporte serológico ao DAT, permita também um diagnóstico precoce, que possibilite um tratamento rápido, menos tóxico, mais barato e, sobretudo, mais eficaz. Foram realizados testes ELISA e DAT, com os seguintes antigénios de Leishmania donovani (Estirpe MHOM/PT/01/IMT387 cultivada em LIT/Hemin, tratada com β-ME e processada na CDI/LEISH/ICAAM (UE-Évora, Portugal); Estirpe MHOM/SD/68/1-S, cultivada em LIT/Hemin, tratada com tripsina). Os testes ELISA (TRYP-ELISA e β-ME-ELISA) foram realizados de acordo com Voller et al., 1980. A concentração antigénica óptima calculada foi de 2,5 X 106 promastigotes ml-1; o conjugado utilizado foi coelho/anti-cão/ IgG/ PO; o substrato utilizado foi 5-ácido aminosalicílico; os valores de “cut-off” da densidade ótica calculados foram, respectivamente de 0,44 e 0,26. O β-ME-ELISA APRESENTOU MELHORES ÍNDICES DE SENSIBILIDADE E ESPECIFICIDADE DO QUE O TRYP-ELISA. β-ME-ELISA OBTEVE MELHORES VALORES DE CONCORDÂNCIA E CORRELAÇÃO COM O DAT DO QUE O TRYP-ELISA. O β-ME-ELISA É UM TESTE DE TRIAGEM PROMISSOR PARA O DIAGNÓSTICO DA LVC, QUIÇÁ TAMBÉM EM ANIMAIS ASSINTOMÁTICOS. A REATIVIDADE DOS DOIS ANTIGÉNIOS MANTEVE-SE ESTÁVEL AO LONGO DE DOIS MESES.
URI: http://hdl.handle.net/10174/6973
Type: lecture
Appears in Collections:ICAAM - Comunicações - Em Congressos Científicos Nacionais

Files in This Item:

File Description SizeFormat
Poster L Veloso et al. ELISA Leishmania Montenegro 2012.pdf708.74 kBAdobe PDFView/OpenRestrict Access. You can Request a copy!
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

Dspace Dspace
DSpace Software, version 1.6.2 Copyright © 2002-2008 MIT and Hewlett-Packard - Feedback
UEvora B-On Curriculum DeGois