Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10174/15324

Title: Avaliação da predação de aves de presa diurnas sobre a população de coelho-bravo (Oryctolagus cuniculus)
Authors: Cruz, Carlos Miguel Gonçalves da
Advisors: Palmeirim, Jorge
Keywords: Predação de aves
Aves de presa diurnas
Gestão de recursos biológicos
Issue Date: 1999
Publisher: Universidade de Évora
Abstract: Os principais objectivos deste trabalho estão relacionados com a interacção entre espécies alares predadoras - Águia-d'asa-redonda (Buteo buteo), Águia-calçada (Hieraaetus pennatus) e Milhafre-preto (Milvus migrans), com a presa - Coelho-bravo (Oryctolagus cuniculus). Pretendemos relacionar a distribuição das três espécies de aves de presa com a distribuição e a disponibilidade de Coelho-bravo e estudar o nível de selectividade das três espécies sobre este. O trabalho de campo desenrolou-se entre Fevereiro e Outubro de 1997, numa área a Norte de Arraiolos, com cerca de 13 mil hectares. Nesta foram definidos transectos lineares para determinação da abundância relativa de Coelho-bravo e foi acompanhada a ocorrência de epizootias de origem virica, a mixomatose (MIX) e a doença hemorrágica viral (DHV). Para as três espécies de aves de presa foram determinadas as densidades absolutas de casais nidificantes e, através de visitas periódicas aos seus ninhos, foram acompanhados alguns parâmetros reprodutores. O estudo envolveu 69 casais de aves de presa (34 de Buteo buteo, 23 de Hieraaetus pennatus e 12 de Milvus migrans) para os quais se pretendeu analisar se existe, e como se processa, a predação selectiva sobre a espécie-presa. Foi estudada a dieta das aves de presa, tendo-se identificado 623 items. Relativamente aos items-coelho, foram estudados parâmetros biológicos associados a estes indivíduos, tais como, a idade, e nos casos possíveis, a contaminação por MIX e DHV. No âmbito do estudo da dieta das aves de presa foi desenvolvido um método de monitorização remota de ninhos, através de um sistema de comunicações celulares e de fotografia digital, que veio a revelar-se relativamente pouco eficiente para o cumprimento dos objectivos inicialmente propostos, mas em contra partida, um sistema bastante mais simples, acessível e económico, quando comparado com outros do género e com uma panóplia de aplicações possíveis. Relativamente aos resultados do presente trabalho, estes vieram a revelar uma eventual associação entre a distribuição de Coelho-bravo e a distribuição de casais nidificantes de Buteo buteo. Para as restantes espécies, para além dos coelhos se revelarem algo importantes na sua dieta, a sua distribuição e disponibilidade não será um factor preponderante nas suas dinâmicas. Quanto à análise da dieta das aves de presa, o Coelho-bravo revela-se uma presa frequente, principalmente do B. buteo, que preda indivíduos essencialmente jovens. Apesar de serem presas frequentes, as mesmas não chegam a atingir 1% da população de Coelho-bravo. Para a H. pennatus foi possível encontrar indícios de Uma predação selectiva sobre coelhos infectados por epizootias de origem vinca, nomeadamente por mixomatose. Para o M migrans o estado de conservação em que foram encontradas as presas-coelho, levam-nos a acreditar que a grande parte dos coelhos consumidos são encontrados por estas aves, já sem vida.
URI: http://hdl.handle.net/10174/15324
Type: masterThesis
Appears in Collections:BIB - Formação Avançada - Teses de Mestrado

Files in This Item:

File Description SizeFormat
Carlos Miguel Gonçalves da Cruz - Tese de Mestrado - 103 076.pdf71.27 MBAdobe PDFView/OpenRestrict Access. You can Request a copy!
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

Dspace Dspace
DSpace Software, version 1.6.2 Copyright © 2002-2008 MIT and Hewlett-Packard - Feedback
UEvora B-On Curriculum DeGois