Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10174/11396

Title: A identidade profissional dos psicólogos na intervenção precoce
Authors: Abreu, Cátia Fabiana Mendes Câmara
Advisors: Franco, Vítor
Keywords: Intervenção precoce
Identidade profissional
Grounded theory
Early intervention
Professional identity
Grounded theory
Issue Date: 2014
Publisher: Universidade de Évora
Abstract: A intervenção precoce é uma prática interventiva que incide no apoio a famílias e a crianças até aos 6 anos de idade que apresentem, ou estejam em risco de apresentar, dificuldades no desenvolvimento. Esta prática interventiva é realizada em equipa por vários profissionais da área da saúde, educação e segurança social, entre eles os psicólogos. É nosso objetivo com este estudo compreender como é que o psicólogo caracteriza a sua actividade, o seu perfil e a sua identidade profissional neste domínio específico. Para o efeito desenvolvemos um estudo de natureza qualitativa a partir da realização de entrevistas semi-estruturadas, a psicólogos integrados em equipas de intervenção precoce da Região do Alentejo. Os dados foram analisados com base na abordagem da Grounded Theory de Strauss e Corbin (1990). Os resultados obtidos indicam-nos que os psicólogos não possuem, ainda, uma identidade profissional claramente definida nas equipas de intervenção precoce; ### Professional Identity of Psychologists in early intervention Abstract: Early intervention is an important practice in supporting children from 0 to 6 years old who have or are at risk manifest of developmental difficulties. This practice is carried out by a team of various professionals in health, education and social welfare, including psychologists. This research aims to understand how the psychologist characterizes their activity, their profile and their professional identity in this specific practice that is early intervention. For this purpose we developed a qualitative study. We conducted semi-structured interviews with psychologists integrated in early intervention teams on the Alentejo Region. Data was analyzed using the Grounded Theory approach of Strauss and Corbin (1990). The results show us that psychologists do not yet have a clearly defined professional identity in early intervention teams.
URI: http://hdl.handle.net/10174/11396
Type: masterThesis
Appears in Collections:BIB - Formação Avançada - Teses de Mestrado

Files in This Item:

File Description SizeFormat
A Identidade Profissional dos Psicólogos na Intervenção Precoce.pdf1.51 MBAdobe PDFView/OpenRestrict Access. You can Request a copy!
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

Dspace Dspace
DSpace Software, version 1.6.2 Copyright © 2002-2008 MIT and Hewlett-Packard - Feedback
UEvora B-On Curriculum DeGois